Micropigmentação de Aréolas Mamárias


Micropigmentação de Aréolas Mamárias

Micropigmentação em aréolas mamárias

O câncer de mama é muito comum entre as mulheres, e uma em cada cinco mulheres com este tipo de câncer que se submetem à mastectomia perdem a aréola e o mamilo. Depois deste procedimento, muitas veem sua autoestima afetada.

A região pode ser restaurada após a reconstrução do seio, submetendo a paciente à técnica de micropigmentação. Este procedimento utiliza agulhas para inserir pigmento sob a pele, desenhando uma nova mama e melhorando a aparência da região.

Saiba mais sobre esta técnica que tem ajudado muitas mulheres a recuperarem a autoestima!

Micropigmentação em aréolas mamárias

AREOLA MICROPIGMENTAÇÃO CURITIBAMICROPIGMENTAÇÃO MAMILOS CURITIBA

Indicada para pacientes que passaram por :

Mastectomia (remoção da mama).
Mamoplastia (aumento da mama)
Mastopexia (redução da mama).

A técnica se trata da pigmentação parcial ou total das aréolas (mamas) com pequenas quantidades de pigmentos. O resultado é a cor desejada na epiderme, que se aproxima muito do tom da pele.

Essa técnica, chamada também de paramédica, consegue camuflar manchas pequenas, marcas de cicatrizes de acidentes ou cirurgias, e tem sido muito indicada por cirurgiões por ser eficaz e menos dolorosa para o paciente – se comparada a outros métodos de restauração.

Benefícios e indicações da Micropigmentação

A técnica permite disfarçar a diferença de tons de pele de manchas e cicatrizes, além de reconstruir as mamas utilizando pigmentos no tom semelhante à pele da paciente. O procedimento é simples, o paciente não sente dor – pois o bloqueio é tópico e total – e o resultado é bem natural.

A Micropigmentação em aréolas mamárias também ajuda a paciente a recuperar a sua autoestima, pois melhora a estética da região e proporciona um aspecto muito natural.

O procedimento é indicado nos seguintes casos:

  • Correção de cicatrizes periareolares de mastoplastia;
  • Aumento de aréolas pequenas;
  • Reconstrução após a mastectomia;
  • Intensificação da cor de aréolas muito claras.

Cuidados após o procedimento

Como se trata de um procedimento um pouco delicado, é preciso procurar um profissional experiente e confiança para garantir excelentes resultados. Além disso, a Micropigmentação de aréolas mamárias também requer cuidados especiais para que a recuperação ocorra da melhor forma possível. Como por exemplo:

  • Não coçar ou esfregar a região após a realização da técnica;
  • Evitar banhos de mar ou piscina durante as duas primeiras semanas;
  • Evitar banhos de água muito quente durante a primeira semana;
  • Evitar se expor ao sol.

Além disso, sugerimos que você também utilize uma pomada que será indicada pelo profissional, pois ajudará no processo de cicatrização da região.

Dúvidas sobre a Micropigmentação em aréolas mamárias

MICROPIGMENTAÇÃO PARAMEDICA CURITIBAMICROPIGMENTAÇÃO MAMAS CURITIBA

Quanto tempo dura uma sessão?

Uma sessão para realizar este procedimento dura em média 90 minutos. Pergunte ao especialista se será necessário realizar retoques, pois em alguns casos é preciso.

É possível reverter o resultado?

Sim. O processo é reversível, pois atinge apenas até a segunda camada da pele. Se uma paciente não gostar do resultado, pode simplesmente não fazer os retoques necessários ou fazer a despigmentação da pele.

Qualquer paciente pode ser submetida ao procedimento?

A técnica é contraindicada para pessoas com diabetes, AIDS, leucemia, trombose, hemofilia, gota, hipertensão arterial e para gestantes.

Qual é a durabilidade do procedimento?

A Micropigmentação dura aproximadamente dois anos na pele, mas como a região em questão não fica muito exposta aos raios solares, a durabilidade da micropigmentação em aréolas mamárias é prolongada.

Claramente, a micropigmentação realizada nas mamas tem sido fundamental para a recuperação de muitas mulheres que tiveram câncer. E além dos seus inúmeros benefícios, o procedimento é rápido, indolor e eficaz, o que o torna ainda mais recomendável do que outros procedimentos de restauração.

Você conhecia este procedimento? Não deixe de entrar em contato para marcarmos uma avaliação.